Seminário “Gestão de Emergências: uma Abordagem Sistémica”

Decorreu no dia 20 de Maio, em Lisboa, o Seminário “Gestão de Emergências: uma Abordagem Sistémica” realizado pela Fernave em parceria com a RTI – Rescue Training International.

Como oradores intervieram Randal da Fonseca, da RTI, José Oliveira, Director Nacional de Planeamento de Emergência da ANPC, Manuel João Ribeiro, Director de Departamento de Protecção Civil da CML, e na qualidade de moderador, Fernando Santana, Director da FCT da UNL.

No Seminário estiveram presentes cerca de 48 participantes oriundos da Refer, Carris, CP, CML, Fertagus, Ecosaúde, Bombeiros Voluntários Sul e Sueste e CP Carga, entre outros.

Referiram-se as novas acepções da Gestão de Emergência, onde a organização e a gestão de recursos e responsabilidades para lidar com todos os aspectos das emergências, em particular a preparação, resposta e recuperação é um factor crítico nomeadamente para sua prevenção e planeamento, prévio. Também os aspectos do treino e da formação pelos diversos actores-chave que intervêm no teatro de operações e a coordenação por parte de um Gestor de Segurança é essencial. Como dizia, Patrick Lagadec “Para aprender depressa durante uma crise, é preciso ter aprendido muito antes da crise.”