A Fernave ao longo do 1º semestre desenvolveu vários cursos de segurança ferroviária para chefias intermédias e técnicosque decorrem em Lisboa, Entroncamento e Porto.

Os cursos visam dotar os participantes de competências para exercer funções ligadas à segurança dos trabalhadores e da circulação ferroviária durante a execução de trabalhos no domínio público ferroviário ou nas suas imediações.

Fazem parte da formação, módulos que versam sobre a Sinalização e Circulação de Comboios, Catenária, Via, o RGSXII “Vias interditas à circulação” e a IET77 “Normas e Procedimentos de Segurança em Trabalhos na infraestrutura ferroviária e Prática Simulada”.

Estas ações envolveram um total de cerca de 90 participantes de empresas ligada à infraestrutura ferroviária como a BlackBolt, Conduril, Evolution, Frutifer, ISQ, PDT, Perene, Neopil, Setronix, Somafel, Thales Group, Vibeiras, Viatel, para além de participantes individuais.