Fernave recebe Quadros dos Caminhos-de-Ferro de Luanda das Áreas de Manutenção, Via e Tracção




Estiveram em Lisboa, de 27 de Junho a 1 de Julho, a Directora da Área de Manutenção e Via do CFL, Eng.º Rosa Canginga acompanhada por colaboradores desta mesma unidade, e pelo Inspector de Tracção António Acácio.

 

À semelhança do que tem ocorrido ao longo do 1º Semestre de 2011, a Fernave desenvolveu programas de formação On-Job para estes Quadros e Técnico, adequados às áreas onde desenvolvem as suas actividades procurando que no final dos programas, a formação realizada represente uma mais valia em termos de experiências e conhecimentos adquiridos para o CFL.

 

Foram concebidos dois programas, um incidindo sobre a actividade de manutenção da infra-estrutura, no qual se contou com a colaboração da Refer e da Somafel, e um segundo programa, direccionado para os aspectos da actividade da área da tracção, assegurado integralmente pelo Coordenador e Equipa da área da Tracção da Fernave, e realizado com o apoio da CP, CP Carga e da Refer.

 

No âmbito das actividades desenvolvidas pelos Quadros da Área de Manutenção e Via, destacamos algumas das visitas realizadas e que, na opinião dos formandos, foram extremamente enriquecedoras e úteis: Centro de Manutenção de Tunes (CMT) e acompanhamento de uma acção de inspecção; Estação de Beja e acompanhamento de uma acção de manutenção; Somafel, onde foram dados esclarecimentos quanto ao Contrato para a prestação de Serviços de Manutenção de Via da L. da Beira Alta e Linha do Oeste, e se realizou uma visita às instalações oficinais e ao Parque de Equipamentos Pesados Ferroviários para Trabalhos de Via.

 

O Inspector de Tracção António Acácio teve oportunidade de visitar os Depósitos de Tracção em Stª Apolónia, Entroncamento, Cais do Sodré, e ainda o Parque de Material em Stª Apolónia.

Realizou três viagens de comboio, designadamente nos percursos Stª Apolónia - Castelo Branco/Castelo-Branco - Stª Apolónia; Linha de Cascais e a travessia da Ponte 25 de Abril no Alfa Pendular. Referiu que, muito embora o programa tenha sido no seu todo muito interessante, foi particularmente marcante a visita ao CCO, da Refer, em Lisboa.

 

No encerramento da visita, os quadros do CFL, visivelmente satisfeitos com a realização dos programas de formação On-Job que a Fernave organizou, transmitiram os agradecimentos a todos que colaboraram nos mesmos e manifestaram o desejo de poder regressar brevemente para aprofundarem os conhecimentos que adquiriram.


Testemunho Rosa Caginga | Testemunho António Acácio